Skip to main content

Com os aparelhos de sal, já não se produzem irritações na pele e nos olhos, uma vez que as cloraminas que causam esses efeitos são destruídas. A desinfecção é mais eficiente devido à acção combinada do cloro e outros agentes que se geram durante o electrólise (oxigénio activo) e a própria oxidação sobre os electrodos da matéria orgânica presente na água. Os sitemas de electrólise salina geram cloro a partir de sal comum dissolvido na água. O sal necessário para o seu funcionamento deve ser adicionado só uma vez na piscina numa concentração de 4-6 g./Lt. (6 vezes inferior à da água do mar) e é similar a um soro fisiológico.